Name:
Location: Portugal

Friday, September 01, 2006

Virtual Realidade Parte 51


Eduardo marcou um número e, quando uma voz do outro lado atendeu, perguntou:
─ Está?
Pedro respondeu reconhecendo-lhe logo a voz:
─ Estou! Eduardo, és tu?
─ Sim, sou. Há algum tempo que não sei nada de vocês; está tudo bem por aí?
─ Andava para te ligar porque eu e a Teresa temos um problema e queríamos pedir a tua opinião.
─ Alguma coisa grave? Diz logo de que se trata que já me estás a deixar preocupado! Alguma coisa entre vocês os dois?
─ Não. Não é nada disso! É a Inês!
─ O que aconteceu com ela? Tu estás a assustar-me! ─ Eduardo estava cada vez mais ansioso.
─ Tem calma e ouve primeiro! O que acontece é que a Inês anda a gastar montes de dinheiro no telemóvel e não sabemos como, nem o que fazer. Tu és uma pessoa ponderada que sabe lidar com crianças, ela adora-te, ouve os teus conselhos e pedíamos-te que nos ajudasses.
─ Estou a ver…
─ Tens um tempo para vires cá a casa e conversarmos os três?
─ Quando?
─ Quando puderes; um dia à noite depois de os miúdos estarem na cama poderíamos conversar. Vinhas cá jantar connosco e esperávamos que se deitassem.
─ Pode ser já hoje?
─ Por nós pode. E quanto mais depressa fizermos alguma coisa melhor será.
─ Por isso é que eu perguntei se podia ser hoje. Quer dizer que a coisa está no início ainda?
─ Tudo indica que sim.
─ Então, até logo mais!
─ Vens jantar, ok?
─ Combinado. A que horas?
─ A partir das 7 já estaremos todos em casa.
─ Lá estarei!
E desligaram.
Eduardo ficou a pensar naquilo que acabara de ouvir: “A Inês, a sua Inês”, como ele lhe chamava porque a sentia como se fosse sua filha, “andava metida em coisas estranhas.
Tão nova ainda, seria algum gajo mal intencionado que se tinha metido com ela, ou algum rapaz da sua idade a brincar aos namorados? Talvez não fosse nada de tão grave assim. O melhor seria ter calma, aguardar até à noite e logo saberia tudo em pormenor”.

Nesse dia Eduardo só tinha meia dúzia de médicos para visitar e faria tudo da parte da manhã. Sabia que os encontraria perto e teria a tarde livre.
Chegou a casa, aqueceu um resto de comida que tinha sobrado da véspera e almoçou.
Estirou-se no sofá na sala em frente ao televisor desligado e adormeceu. Passada uma hora acordou com um pesadelo horrível: a Inês tinha sido raptada por um pedófilo e ele para tentar salvá-la tinha recebido um tiro no peito.
─ Uf! Afinal foi apenas um sonho, mas parecia bem real! ─ Disse em voz alta, respirando profundamente ─ Mas não quer dizer nada, não sou supersticioso.
Levantou-se, fez um pouco de ginástica e foi ao computador.
Viu os e-mails, correu o mirc e, coisa estranha, houve logo quem pensasse que ele podia ser mulher:
─ Tedio ─ olá!!! já deves andar farta que te andem sempre a chatear, mas vais ter que me desculpar!!! Ando farto da monotonia da minha vida, preciso de ter uma aventura ou fazer uma loucura com uma rapariga!!! Não queres ser a feliz contemplada??? Beijos e desculpa o incómodo.
─ mds ─ lol
─ mds ─ a feliz contemplada?!
─ Tedio ─ lol
─ mds ─ parece-me incongruente o teu discurso
─ Tedio ─ sim, porquê?
─ mds ─ sabes que sou especialista em desmontar trapaças
─ mds ─ trapaças verbais...
─ Tedio ─ então diz-me lá
─ mds ─ primeiro dizes-me que andas desanimado da vida
─ Tedio ─ certo
─ mds ─ e depois achas que se eu aceitasse seria uma feliz contemplada...
─ mds ─ afinal fazes de ti uma ideia muito elevada
─ Tedio ─ sim
─ mds ─ demasiado elevada para quem está por baixo, desanimado da vida
─ Tedio ─ há que ter a moral elevada. Pk?
─ mds ─ e achas que as pessoas são todas burras
─ mds ─ para caírem nessa conversa?
─ mds ─ vai bater a outra porta
─ Tedio ─ infelizmente não, lol
─ mds ─ agora é que disseste tudo!
Eduardo riu-se, o pesadelo completamente esquecido.
Desta vez ninguém conhecido: Luísa ainda estava em Espanha, a Cristina e o Rui, demasiado ocupados, as conversas no mirc passaram a ser esporádicas, falando no msn apenas quando necessitavam. De Sara nem o rasto. Da Cátia igual.
No canal Portugal alguém perguntava quem percebia de PCs:
─ mds ─ diz o que é e se eu souber ajudo-te
─ micas ─ sabes como se liga dois computadores em rede?
─ mds ─ primeiro tens de verificar se os dois possuem placas de rede ethernet, depois tens de ter um cabo de rede cruzado, e se tiveres tudo isso e o Windows XP depois eu ensino-te a configurar o software para fazeres a ligação
─ micas> ah, não sei se tenho essas coisas
─ mds ─ vai saber primeiro e depois diz-me
─ micas ─ ok
─ mds ─ e se o teu firewall não dificultar as coisas, acho que conseguiremos ser bem sucedidos na ligação
─ micas ─ obrigada!
─ mds ─ de nada.

Desligou o PC, pegou em O Sangue de Cristo e o Santo Graal, que tinha adquirido na véspera numa livraria do Fórum de Aveiro e pôs-se a ler enquanto esperava a hora de ir a casa do Pedro.

Eduardo tocou a campainha. O André e a Inês, que já sabiam da sua vinda, vieram abrir a porta e agarraram-se logo a ele, radiantes:
─ Olá, tio Edu!
─ Olá, tio Edu!
─ Olá! Vocês estão grandes! ─ Admirou-se o Eduardo que já não os via há cerca de dois meses.
─ Há muito tempo que não nos vês! ─ Acusou o André.
─ Pois é, tens de vir cá mais vezes. Temos saudades de brincar contigo. ─ Ripostou a Inês.
─ Vocês têm razão: tenho de vir mais vezes. Também tenho saudades vossas.
─ Vamos fazer um jogo? ─ Convidou o André.
─ Achas que temos tempo antes do jantar? E os deveres escolares? E estudar?
De dentro da casa a mãe chamou:
─ Então meninos, é o tio Edu? Façam-no entrar!
E foram os três a correr para dentro, os miúdos a puxar o Eduardo pelos dois braços.

Continua...

33 Comments:

Blogger MoonLight said...

Mais um belo episódio! Maravilha. Sempre criativos... sempre com alguma coisa para aguçar o apetite de vos vir ler.
Bjs de Luz

9:58 pm  
Blogger Pedro Melo said...

Regresso de ferias... vejo que tenho muito que recuperar... mas de certeza que vou adorar... ainda bem que continua esta maravilhosa realidade virtual.

10:34 pm  
Blogger margusta said...

Deixo um beijinho e votos de um bom fim de semana!

1:22 am  
Anonymous Nylda said...

Olá Isa&Luís...
De regresso das férias, vim visitar este lindo cantinho que nos prende com sua bela história.
Bom fim de semana para vocês.
Beijos e um sorriso.

5:56 pm  
Anonymous Maria said...

Isa e Luis continuo a ler a vossa Estória com interesse! Obrigada pela visit and coment! Beij.

6:01 pm  
Blogger lena said...

Isa e Luis primeiro a imagens que muito me diz, é linda , linda. a cidade dos canais!

depois li e fiquei confundida. já fazia a Luisa de volta, será que sou eu ou o Eduardo que anda distraído?

fui reler e acho que é ,mesmo o Eduardo que anda abrasado num capítulo, corre rapaz, ainda deixas escapar a Luísa

bem já brinquei um pouco e quero dizer que continuam em bom caminho

beijinhos aos dois e o meu abraço que ultrapassa o virtual.


lena

8:23 pm  
Blogger Catarina Pati said...

Ola,
Continuo a seguir com curiosidade. Espero conhecer o desenrolar das minhas personagens favoritas: Eduardo e Luisa :)
Bom fim de semana e bjtos para os dois!

1:06 am  
Blogger Alexandra said...

Já estou em dia com a leitura, acabei agora mesmo de ficar a salivar... lá tenho q esperar por nova semana!!!

O vosso trabalho está muito bom. Parabés!

Beijinhos

4:19 am  
Blogger Papoila said...

Olá Vim hoje colocar a leitura em atraso em dia, e agora? Vou a fazer "beicinho" porque ler mais que um capítulo juntos faz desejar continuar a ler-vos.
Beijinho

5:25 pm  
Blogger soli-arte said...

bonita foto onde podemos ver a VENEZA PORTUGUESA.
Quanto ao capitulo desta semana, mais um encontro com as coisas boas do irc. Afinal tambem se podem encontrar pessoas que estão prontas sempre a ajudar no mundo da unformatica :)
Vamos a ver se tambem o Eduardo a poderá ajudar a teresa a desvendar o gasto elevado do telele da filhota ( eu acho que sim).
Fico à espera da proxima semana.
Beijos e até lá.
soli

6:04 pm  
Anonymous Nanci said...

Colocando-me em dia com a leitura...atrasei-me mas não me atrevo a perder

bjs

8:02 pm  
Anonymous woman's secret said...

continua interessante :)
Beijos

12:24 pm  
Blogger ≈♥ Nadir ♥≈ said...

beijos e boa semana

12:25 pm  
Anonymous Pedra da lua said...

olá! Por estas paragens d novo para ler mais um capitulo e tentar adivinhar o q se vai passar a seguir...eu bem tento mas isto é semrpe tao imprevisivel q o meu unico remedio é mesmo ler e calar :P já estou á espera do proximo ;) Beijinhoss

2:22 pm  
Blogger Adryka said...

Olá Isa e Luis, estou super curiosa com o desfexo deste conto, vou ficar á espera do seguinte para ver se o que tenho em mente vai vingar.Beijinhos para vocês

9:05 pm  
Anonymous Regina said...

Queridos Isa e Luis!
Que em cada amanhecer do seu dia, nasça uma flor.
Que cada sorriso teu, sejam as pétalas que tornam essa flor mais completa.
Que cada pensamento positivo, seja o caule que a sustenta.
Que cada passo pra vitória, seja a terra que alimenta.
Que cada gesto teu, seja o sol que fornece energia e que o brilho dos teus olhos, seja a beleza e a simplicidade desta flor...
Boa semana.
Beijos no coração
Regina

6:37 am  
Anonymous In Loko said...

Engraçados estes "tédios", andam sempre em baixo, tadinhos deles :). Enfadonhos venenosos para além do tédio que inspiram é o que é! Bom, deixem-me dizer-lhes que miúdos com telemóveis é hoje a coisa mais corriqueira que se vê. Estão sempre com o tele na mão, ou jogando ou mandando SMS, estão assim horas a fio, coisa impressionante. Daí que ache que Inês é mais um desses miúdos com tele sempre ligado, logo, o balúrdio que gasta em pouco tempo é mais do que muito! Mais um bom capítulo amigos! Beijinho e abraço.

6:10 am  
Anonymous meialua said...

Olá Isa. Olá Luís. Teem ambos um desafio á espera no meu blog. Beijokas

9:49 am  
Blogger Vanda Baltazar said...

Bom dia gente! :))

Pois. Acabarm as férias. As manhãs de sol quente, as tardes espraiadas ate ao inicio da noite...acabaram-se os chinelos, as cangas, como é dificil voltar a andar apertada em roupa e sapatos! :)

Ficam as memórias, o sabor doce das bolas de berlim depois do ultimo banho de mar :) o sabor salgado do último mergulho :))

E com vocês....tudo bem??? :))

um beijinho a "mielas" :))

Van

10:31 am  
Anonymous MEDUSA said...

Sempre interessante este conto!
Muita coisa já aconteceu... e o que ainda virá por aí?
Bem ao jeito dos nossos dias, com situações e episódios que nos fazem lembrar qualquer coisa. Quem já não passou por algumas destas situações?Ou não conhece quem já passou?
Só quem não vive as emoções deste "mundo virtual" é que não entende patavina e até fica com cara de parvo, quando se lhe é relatado um ou outro acontecimento.

Gostei da visita e das palavras lá deixadas.

Também eu,deixo por aqui um beijinho e um eco meus.

11:38 am  
Anonymous CLEÓPATRA said...

São os encontros e desencontros das almas que, por este ou aquele motivo, se encontram e voltam a desencontar.
A vida tem destas coisas...

Um beijo soprado

11:41 am  
Anonymous Sindarin said...

Olá meus queridos amigos! Agradeço sinceramente o vosso apoio e a força k me enviaram. è assim k vemos os amigos e eu agradeço eternamente a vossa tão querida amizade. Mto obrigado. Voltarei outra vez para ler com calma e comentar, prometo, agora talvez ñ o conseguisse fazer como merecem. Desculpem-me e mais uma vez obrigado.

9:27 pm  
Blogger Eu said...

vim agradecer a visita e tive uma agradável supresa... gostei do blog, gostei do texto. acho que vou voltar mais vezes. voltem também ao meu...
bjos

11:25 pm  
Anonymous Filipe Freitas said...

Agradecendo mais uma visita ao cantinho da minha Praia passei por aqui para ler mais um episódio que eu chamaria, carinhosamente, de "Blogonovela"...
As minhas desculpas de não passar mais vezes, mas são tantos os blogs amigos que o tempo não dá para tudo: fazer o blog diariamente e visitá-los todos, que me desculpem, não consigo !... Mas estão todos no coração !
Os meus votos sinceros de um bom fim de semana.
Beijinhos.

2:28 am  
Anonymous Ane said...

Olá!Fazia um tempinho que não vinha por aqui,li tudo que perdi.Estou cada vez mais curiosa com o desenrolar da estória.Um beijo!

2:39 am  
Anonymous woman's secret said...

Não podia passar por aqui sem deixar os votos de um bom fim de semana.
beijos
Nadir

12:16 pm  
Anonymous segundavida said...

São preocupações e mais preocupações que este moderno mundo traz e as crianças estão cada vez mais vulneráveis. Boa continuação, bom fim de semana e felicidades para vocês.

7:38 pm  
Anonymous Maria said...

Continuo interessada no desenrolar das situações. Bom fim de semana.Beij.

8:42 pm  
Anonymous tb said...

Embora um pouco atrasada por motivo da pausa, cá estou a acompanhar e actualizar a leitura. Interessante este ligar de fios levando o leitor a conhecer um pouco melhor a personalidade de Edu.
Beijinhos

10:29 pm  
Blogger macmartinson said...

Olá amigos,

eu nem sempre sou fiel..., sobretudo quando a fidelidade se sobrepõe à minha Liberdade, mas no que concerne as minhas visitas aqui é mais por falta de esquecimento porque,confesso, não tenho seguido o " enredo " ...do vosso canto.
Contudo reconheço que, para manter este espaço como está , foi precisa muita coragem e seguramente vocês também sabem que a sorte protege os audazes, por isso, ousem sempre, porque " o sonho comanda a vida "...

Até...

8:01 pm  
Blogger macmartinson said...

Pois não tenho seguido do vosso CONTO, porque muitas vezes fico no meu canto !!!
Aqui fica a correcção !

8:02 pm  
Blogger Nilson Barcelli said...

As férias atrasaram-me na leitura.
Mas já recuperei.
A história continua a ser bem contada e com ritmo.
Beijinhos para a Isa.
Abraço para o Luís.

10:26 pm  
Anonymous Anonymous said...

Olá Isa
É com muito prazer e interesse que passo por este cantinho mágico, que me delicio neste mar de palavras… na grandeza dum sentimento, que floresce em cada sorriso e que nos toca profundamente (o amor) aguardo ansiosa o encontro de Luísa e Eduardo.
Cada dia estou mais presa a esta maravilhosa história.
Tudo de bom… beijinhos…
Regina

11:57 pm  

Post a Comment

<< Home